Um canteiro de obras é um ambiente delicado, que oferece muitos perigos se as regras de segurança não forem cumpridas. Um elemento essencial para aumentar a segurança em áreas assim é a disposição de informações claras, por meio de uma sinalização de segurança.

 

Informação e Atenção

Ao longo da execução de um projeto, o canteiro de obras é acessado por diferentes profissionais e visitantes. Alguns deles, podem não estar acostumados com aquele labirinto de armadilhas e por isso precisam ser bem guiados por uma sinalização de segurança em obras eficiente. E mesmo aqueles que trabalham regularmente no local precisam estar atentos em bem informados.

 

Clareza e Objetividade

Toda essa comunicação precisa ser clara e objetiva, de forma que qualquer pessoa que a veja entenda a mensagem imediatamente. Mas é importante que não haja exageros. O excesso de informação pode causar efeito oposto, deixando quem acessa a obra desorientado, com a atenção difusa.

 

Regulamentação: NR18

Por isso, as placas, cartazes e avisos são obrigatórios e regulamentados pela norma NR18. Por fazer parte da legislação trabalhista, a empresa que descumpre as normas previstas pela NR18 pode sofrer multas e até o embargo da obra. A regra também vale para os funcionários, que podem ser advertidos e punidos conforme os limites da lei.

Para os especialistas, uma sinalização de segurança em obra eficiente tem tanta importância quanto a utilização dos equipamentos de proteção individual. Inclusive, a sinalização pode prever quais EPI’s são obrigatórios em cada parte do canteiro.

 

Veja abaixo o que a NR18 diz sobre a sinalização de segurança em obras:

 

18.27 – Sinalização de segurança

» O canteiro de obras deve ser sinalizado com o objetivo de:

  1. a) identificar os locais de apoio que compõem o canteiro de obras;
  2. b) indicar as saídas por meio de dizeres ou setas;
  3. c) manter comunicação por meio de avisos, cartazes ou similares;
  4. d) advertir contra perigo de contato ou acionamento acidental com partes móveis das máquinas e equipamentos;
  5. e) advertir quanto a risco de queda;
  6. f) alertar quanto à obrigatoriedade do uso de EPI, específico para a atividade executada, com a devida sinalização e advertência próximas ao posto de trabalho;
  7. g) alertar quanto ao isolamento das áreas de transporte e circulação de materiais por grua, guincho e guindaste;
  8. h) identificar acessos, circulação de veículos e equipamentos na obra;
  9. i) advertir contra risco de passagem de trabalhadores onde o pé-direito for inferior a 1,80 m;
  10. j) identificar locais com substâncias tóxicas, corrosivas, inflamáveis, explosivas e radioativas.

» É obrigatório o uso de colete ou tiras refleti­vas na região do tórax e costas quando o trabalha­dor estiver a serviço em vias públicas, sinalizan­do acessos ao canteiro de obras e frentes de servi­ços ou em movimentação e transporte vertical de materiais.

» A sinalização de segurança em vias públicas deve ser dirigida para alertar os motoristas, pedestres e em conformidade com as determinações do órgão competente.

 

Na hora de construir ou reformar, sempre consulte um especialista em segurança do trabalho. Assim você garante um canteiro de obras mais seguro para você e sua equipe.

Escreva um comentário:

*

Seu e-mail não sera divulgado.

2016 ® Altura Andaimes - Todos os direitos reservados.